cat-textos
05.02.2012

Para ouvir: Domingo

Deitada, escuridão total.
Coloquei o braço pra trás e busquei por alguém.
Desejei encontrar outra mão além da minha. Desejei encontrar um braço que envolvesse minha cintura, um beijo no ombro seguido de um boa noite baixinho ao pé do ouvido.
Desejos, apenas isso.
Estenderam-se por meus sonhos e penduraram por horas e mais horas além do normal.
Sabe, existem dias que são feitos para a saudade. São propícios para senti-la. São os dias de saudade, hoje, pra mim, é um deles.
Desde a hora que você acorda e enrola na cama com preguiça de levantar, até a hora que você se deita para dormir de novo.
Tudo é saudade. Cheira, inala, solta, consome saudade.
Você não procura por nada, as lembranças é que te encontram e, antes mesmo que perceba, está completamente envolvido em memórias que já desejou com todas as forças apagar.
Tentei distrair a mim mesma, mas de nada adiantou.
Como se o novo parecesse com o velho e como se as situações recorrentes fossem as mesmas de certos anos atrás.
Meus 22 com 17, outra vez, tudo igual, só que não. Falta uma parte e é ela que me persegue no dia de hoje.
Escutei os sons, refiz e revivi cenas como se fossem reais e não como se só estivessem presas em minha mente.
Tem saudade que é boa e tem saudade que é ruim, depende de como você sente, na verdade, depende de como você quer sentir.
Hoje eu deixei com que ela me levasse pra longe, não quis hesitar, não tive forças pra isso. Agora essa é a saudade que dói mais que tudo, creio eu.
Hoje é domingo, dia de saudade.
Saudade de tudo que se foi e do que estaria por vir em outros tempos. Saudade do que não vai mais voltar, do que eu não pude evitar e da mão que esta noite eu também não vou encontrar.

Adriana Cecchi

(Fonte Imagem)

Comentários

2 Comentários | Adicione o seu

  1. Lorena Tavares disse:

    Como você disse, hoje é domingo, dia de saudade, e é mesmo. É uma tortura querer estar com alguém que não pode. Hoje queria tanto que uma pessoa em especial estivesse aqui…
    Adorei o texto!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *