O Demonologista

“Milhões de criaturas espirituais andam na Terra
Invisíveis, tanto quanto estamos acordados, como quando dormimos.”
– John Milton, livro Paraíso Perdido

A começar com uma epígrafe destas, eu já sabia o que esperar de O Demonologista. Um thriller cheio de suspense, boas referências e a sutileza sobre o mal poder estar em todos os lugares, em todos os momentos… Ei, cuidado aí atrás de você.

Vencedor do prêmio de Melhor Romance do International Thriller Writers Award (2014), O Demonologista foi o primeiro livro do autor Andrew Pyper a chegar ao Brasil e, para a nossa alegria, nas mãos da editora Darkside Books com uma belíssima edição de capa dura, marcador de fita, ilustrações de Gustave Doré (♥), páginas amareladas e posfácio sobre John Milton e sua principal obra Paraíso Perdido. Fiz um vídeo Folheando o Livro lá no Youtube com todos os detalhes.

Lombada e verso O Demonologista

Gustave Dore ilustrações de Paraíso Perdido

 

“Nós somos muitos. Mas você não vai encontrar ninguém.”

Sinopse

O personagem que dá título ao best-seller internacional é David Ullman, renomado professor da Universidade de Columbia, especializado na figura literária do Diabo – principalmente na obra-prima de John Milton, Paraíso Perdido. Para David, o Anjo Caído é apenas um ser mitológico. Ao aceitar um convite para testemunhar um suposto fenômeno sobrenatural em Veneza, David começa a ter motivos pessoais para mudar de opinião. O que seria apenas um boa desculpa para tirar férias na Itália com sua filha de 12 anos se transforma em uma jornada assustadora aos recantos mais sombrios da alma. Enquanto corre contra o tempo, David precisa decifrar pistas escondidas no clássico Paraíso Perdido, e usar tudo o que aprendeu para enfrentar O Inominável e salvar sua filha do Inferno. (DARKSIDE BOOKS)

Gostei bastante da escrita de Andrew Pyper, faz uso de frases curtas, bem pontuadas, raciocínio rápido e claro. Assim como também me identifiquei com o personagem principal, David Ullman, que narra o livro em primeira pessoa expondo-se por completo na trama: melancólico, sarcástico e intuitivo.

Demonologista - Darkside Books

David Ullman é “gente como a gente”. Cheio de dúvidas, memórias tristes, uma amiga com problemas de saúde, um casamento desmoronado e uma filha adolescente que é praticamente um espelho seu. Podemos resumir a grosso modo: um estudioso da bíblia ateu, que começa a questionar suas certezas depois de ser chamado de demonologista e convidado a testemunhar um fenômeno em Veneza.

O professor aceita o convite e parte com sua filha Tess  para a Itália e é lá que tudo começa: David Ullman é incumbido de filmar um acontecimento que é, nada mais, nada menos, do que uma possessão. Sim, a primeira cena em que um demônio conversa com nosso personagem e acontece logo no começo do livro. Cético de tudo, ele não sabe bem o que viu ali, mas logo se arrepende da viagem e busca Tess no hotel para voltarem para casa. Antes da partida, sua filha desaparece e ele tem certeza de que a garota corre um perigo nunca antes visto.

Só David pode salvar Tess do inferno e vai precisar usar todos os seus conhecimentos na obra de Milton (Paraíso Perdido) para desvendar e enfrentar o demônio, O Inominável.

Trecho do livro O Demonologista

Existem cenas de terror muito boas, não temos uma imagem fantasiosa do diabo ou qualquer outra criatura, como disse no começo do post, a sutileza nos detalhes faz com que a obra aterrorize sem uma figura maligna. O que considero muito mais perturbador, diga-se de passagem.

“A guerra contra o paraíso nunca foi travada no inferno, nem na Terra. O campo de batalha está em todas as mentes humanas.”

Estou bastante ansiosa para o filme desse livro, sim O Demonologista será adaptado para o cinema nas mãos de Robert Zemeckis, diretor de Forrest Gump (1994) e da trilogia De Volta Para o Futuro (1985-1990). Leia antes de chegar nas telonas!

Definitivamente, é um livro que te prende do início ao fim, não tem como parar de ler, você quer descobrir logo o que vai acontecer. E agora deixo aqui uma abertura para conversarmos sobre o FINAL do livro: pela ambiguidade, acredito que seja um final que pode não agradar todos os gostos e eu mesma já cheguei a criar algumas teorias sobre os fatos ocorridos para a minha escolha do fim. Eu gostei, achei simples e pontual, confesso que gosto de finais assim com possibilidades.

Título: O Demonologista
Título original: The Demonogist
Autor: Andrew Pyper
Editora: Darkside Books
Tradução: Cláudia Guimarães
Número de páginas: 320
Gênero: Terror
*Livro cedido em parceria com a Editora Darkside Books.

Compre: Submarino | Americanas | Livraria Cultura

Vídeo-resenha no canal

Comentários

6 Comentários | Adicione o seu

  1. Raquel Moritz disse:

    Acabei de assistir ao vídeo e li agora seu review tbm. Vc disse tudo o que eu queria dizer sobre esse livro, ele é sensacional mesmo <3 E adorei o final ambíguo, hahahah. #AguentaSociedade

    Beijão! Arrasou no vídeo, to adorando acompanhar seu canal.

  2. Olá, eu também amo finais ambíguos e quero muito saber suas teorias sobre o final. Bjs

  3. Felipe disse:

    Tambem quero ler mais sobre sua opinião do final !

  4. […] Clique aqui para ler a resenha do livro O Demonologista […]

  5. “A maior astucia do Diabo e nos convencer de que ele nao existe”, escreveu o poeta frances Charles Baudelaire. Ja a grande astucia de Andrew Pyper, autor de

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *