Arquivo do Autor

A primeira regra sobre o Clube da Luta é: A continuação de Clube da Luta, que será lançada em quadrinhos, está em pré-venda no site Dark Horse Comics – o lançamento oficial fica pro dia 27 de maio. A continuação do livro escrito por Chuck Palahniuk e adaptado aos cinemas por David Fincher terá traços de Cameron Stewart e a história se passará 10 anos após os acontecimentos originais. O personagem principal da vez é Sebastian, um homem normal com uma vida normal, que deixou às lutas e conseguiu se livrar de Tyler graças a pílulas e maconha medicinal. Sebastian é casado com Marla Singer e os dois Continue lendo

Sinto muito, mas não sinto nada. Ela disse e partiu. Talvez nunca mais a veja, mas seu cheiro continua por aqui. Jamais esquecerei seu tom de voz carregado em bom e mau humor. Seu riso solto. Seu salto falho. Seu perfume forte. Sua falta de sorte. Sinto muito, mas não sinto nada. Não é do tipo que sente mesmo. Melhor assim.

Dia 8 de abril de 1990: a história da TV foi marcada com a série Twin Peaks, dos criadores Mark Frost e David Lynch. Exatos 25 anos depois, hoje, recebemos uma grande notícia: a editora DarkSide Books lançará o primeiro título da Coleção Fora de Série, que, à maneira da Coleção Dissecando (O Massacre da Serra Elétrica; Evil Dead; Sexta-Feira 13), vai revelar os bastidores das séries de tv que amamos. “Uma cidade onde todos se conhecem e nada é o que parece.” O livro será lançado no segundo semestre de 2015 nas versões Limited Edition (capa dura) e Classic Continue lendo

A editora Darkside Books liberou uma entrevista com Andrew Pyper, autor de “O Demonologista“, e um material promocional maravilhoso para os leitores darks. Eu que já estava ansiosa para o lançamento, fiquei ainda mais. “A maior astúcia do Diabo é nos convencer de que ele não existe” – Charles Baudelaire O personagem principal que dá título ao best-seller é David Ullman, um professor de literatura especializado na figura literária do Diabo – principalmente no clássico de John Milton, Paraíso Perdido. Para ele, o Anjo Caído é apenas um ser mitológico. Depois de aceitar um convite para testemunhar um suposto fenômeno Continue lendo

Você provavelmente já deve ter assistido ou pelo menos ouvido falar sobre o filme O Exorcista, certo? Mas e a obra original, o livro que deu origem ao grande clássico do cinema, você conhece? Vi o filme antes de ler o livro e posso dizer que ele basicamente formou meu gosto pelo terror. Assisti bem novinha, acho que com 8 ou 9 anos, e desde então nunca mais larguei o gênero. Quatro décadas após chocar o mundo inteiro, a obra-prima de terror de William Peter Blatty permanece uma metáfora moderna do combate entre a fé e o profano na forma Continue lendo

cat-textos
27.03.2015

Diana come maquiagem e fica com as bochechas coradas, enquanto todos olham seu salto 15 e suas olheiras marcadas. Diana não adormece. Seu sonhos são sempre arregalados como seus olhos pretos, enquanto vozes lhe incentivam a pensar em coisas más. Diana tem sede. Suas pernas finas estão formigando desde os tornozelos até o final das coxas, enquanto os homens, sem dó, vigiam de longe o colo de suas pérolas aniquiladas. Diana não compreende. Levantar seria o fim, o veludo vermelho chama a atenção. Diana sofre náuseas. Moribunda e brilhante, enquanto os garçons de asas pretas servem copos de prata com Continue lendo

cat-textos
18.03.2015

Em negrito, referências a The Doors Você quer falar sobre cotidiano? Eu sou a melhor pessoa pra falar sobre isso. Não que eu leve uma vida muito regrada, talvez sim, não sei. Devo assumir que gosto de ter certos horários e certas rotinas, mas não me parece grave, parece? Sobre o que eu estava falando mesmo? Ah, sim, cotidiano. As pessoas costumam dizer que me perco nos meus próprios assuntos, nunca tenho uma linha de raciocínio, me chamam de estranho, eu os chamo de lerdos. Uma ova. Todos são estranhos, pessoas são estranhas. Voltando ao cotidiano, todo dia tomo meu Continue lendo

Simbolismos obscuros, reflexões metafisicas, terror psicológico, suspense e ações alucinadas baseadas em obsessões de personagens. Encontramos isso nas obras do autor Edgar Allan Poe (♥) e encontramos isso também na série da Fox “Contos de Edgar“, lançada em 2013. A grosso modo, a série conta com adaptações dos contos de Edgar Allan Poe em São Paulo. E, novidade, tem no Netflix! O personagem Edgar da série, é um cara meio “ferrado” na vida (assim como o original também era), mora no subúrbio e trabalha numa empresa de dedetização chamada DDT Nunca Mais. Durante os serviços, juntamente com seu parceiro Fortunato, Continue lendo