24.10.2012

Neil Young – Heart of Gold Essa vida é curta Curta de tempo, curta de distância Bem curta Curta, curtinha, encurtada Passa num sopro Meio fio Para que eu vou descer do carro Quero ir a pé Andar na chuva Molhar os sapatos Sentir o vento penetrar na minha alma Procurar por corações de ouro como o Neil Young canta E bater com a cara no muro quando pensar que encontrei algum A incerteza é que me move, que me tira do lugar Incógnita, inconstância, indiferença, incoerência Não me espera pra jantar Eu posso demorar Aproveitar o tempo que ainda Continue lendo