Arquivo de janeiro de 2016

Bom, pra falar a verdade na realidade, o maior motivo para você ler este livro é: Exterminador do fucking Futuro! Precisa de algo mais que uma máquina para matar? Não, né, mas vou lista mesmo assim: 1- HASTA LA VISTA, BABY! O filme é um marco no cinema, foi aclamado pela crítica na estreia no ano de 1984, tornando-se um clássico instantâneo e entrando para as listas dos melhores filmes do ano. O Exterminador do Futuro foi considerado pela Biblioteca do Congresso norte-americano uma obra de significância “cultural, histórica e estética” e selecionado para ser preservado no National Film Registry dos EUA. A franquia que eternizou Schwarzenegger Continue lendo

15.01.2016

Para ler ouvindo: Cat Power; Metal Heart No contador, 21 semanas. Dia após dia, passou. Passou como as marcas no corpo, o toque na pele, o suspiro no peito. Semana após semana, passou. Passou como a risada esquecida, a mensagem apagada, a palavra não dita. Mês após mês, passou. Passou como os momentos e beijos, as lembranças e carícias. Passou como tudo passa. Ou como insistem em dizer que passa. Memória ruim, por que agora lembra de tanto? Em poucos instantes, músicas realizam o, até então, impossível teletransporte. Coração, você não era de metal? Agora, frágil feito papel. Não é Continue lendo

eu nunca tive medo do escuro não me assustei com bicho papão durmo com o pé pra fora da cama não tenho medo de assombração eu nunca tive medo de altura tenho mania de encarar o espelho depois de apagar a luz não tenho medo de cobra nem de barata já entrei no cemitério sem fazer sinal da cruz eu tenho medo de gente, de gente viva mais especificamente eu tenho medo de você pois nada explica esse frio na barriga que eu sinto ao te ver