Arquivo da Categoria "Filmes"

Mais um sorteio aqui no blog e dessa vez com uma meta: assim que a fanpage atingir 5.000 curtidas lindas, sortearei um kit de clássicos essenciais para a sua estante. – Livro “Clube da Luta” (Chuck Palahniuk); – Livro “O Iluminado” (Stephen King); – DVD Trilogia “O Poderoso Chefão” (Francis Ford Coppola) Pra participar é bem fácil: PASSO 1: Curta a página Redatora de Merda no Facebook. PASSO 2: Preencha este formulário. PASSO 3: Compartilhe a foto da promoção publicamente no seu mural do Facebook. PS 1: Não esquecer de fazer o compartilhamento PÚBLICO, para contabilizar e validar o mesmo. PS 2: Continue lendo

Sabe as cenas em que alguém morre por uma “boa causa” no filme? Neste vídeos tem 43 delas, achei fantástico. E cuidado com os spoilers! [youtube video=aVT-plqK77w]

Kogonada reuniu vários takes de filmes do Quentin Tarantino, todos de baixo pra cima. Aos Tarantinescos, assim como eu, recomendo: [vimeo video=37540504] Via Trabalho Sujo

Fotos, filmes e um tumblr pra unir as duas coisas: o FILMography do jornalista e fotógrafo Christopher Moloney.Ele usou cenas de determinados filmes impressas em papel e sobrepôs exatamente no local onde elas foram rodadas, selecionei algumas que mais gostei:

Dirigido por Christopher Kezelos, “The Maker” é um belo curta-metragem feito em stop motion e mostra “uma estranha criatura que corre contra o tempo para fazer a mais importante e bela criação da sua vida” – a animação ganhou diversos prêmios, veja mais no site. Life is what you make it ;) [youtube video=YDXOioU_OKM] Via Stop Motion Portugal

Eu adoro terror/suspense/afins, não é novidade, e sempre acompanho lançamentos e filmes relacionados ao tema, mas, na maioria das vezes que clico play no trailer, o que eu vejo são pseudos vídeos caseiros relativamente previsíveis, sim, a era do terror documental – sou do time do thriller psicológico. Dos mais recentes, acho que O Ritual e Sobrenatural (ambos de 2011, clique no link para ver o que achei sobre cada um) foram os que mais gostei como um todo. (Poder Paranormal) Agora, que este e os próximos meses estão cheios de estreias de longas do ‘ramo paranormal’, isso não posso Continue lendo

Tarkovsky mexeu comigo. Ponto. Nosso primeiro encontro foi através de “Stalker” numa ensolarada tarde de domingo. Um ótimo dia para sair e admirar o azul do céu, mas lá estava eu com três links de torrent e alguns arquivos de legendas desconfiguradas com o notebook no colo pronta pra ele, pronta pro Stalker. Cheguei com algum tempo de atraso, 33 anos precisamente, mas ele não pareceu se importar, talvez porque soubesse que mexeria comigo, de uma forma ou de outra. O filme é lento, sim, mas não é cansativo. Não é um filme fácil porque é justamente sua simplicidade que Continue lendo